Meus 5 livros de moda favoritos

Meus 5 livros de moda favoritos

Cultura ler o post completo
5 aplicativos essenciais para viajantes

5 aplicativos essenciais para viajantes

Viagem ler o post completo
Netflix: usando mais e melhor

Netflix: usando mais e melhor

Cultura ler o post completo

Viagem

Moda & Beleza

Carreira & Finanças

Yves Saint Laurent: a cinebiografia

16 de abril de 2014

Aproveitei o Festival Varilux de Cinema Francês e fui assistir a cinebiografia do estilista Yves Saint Laurent. Estava louca para ver o filme, e não me arrependi nem um pouco! Essa é a primeira grande homenagem ao estilista no cinema, e é baseado no livro “Cartas à Yves” – que ainda não está disponível por aqui – e que foi escrito pelo mentos e marido de YSL, Pierre Bergé. Apesar do filme ser um tanto triste, mostrando todo o lado neurótico e perfeccionista deste grande estilista, algo que irritou muito a crítica, dizendo que estava aquém do grande estilista que foi.

Yves Saint Laurent

O livro retrata a vida de Yves Saint Laurent durante os anos de 1950 a 1980, indo da fase em que foi o estilista da Christian Dior até a criação da YSL e os anos de loucura. É é exatamente isso que vemos no filme, que é denso e muitas vezes, emocionante, além de mostrar toda a genialidade do estilista que criou o vestido Mondrian e o smoking feminino.

Fiquei encantada com o ator Pierre Niney que tem apenas 21 anos e encarna lindamente o estilista, interpretando com força e vivacidade cada fase de YSL, do tímido garoto que assume o posto de estilista na Christian Dior, ao neurótico no começo do sucesso da YSL, passando pelo homem apaixonado.

Yves Saint Laurent

Uma incrível curiosidade é que Bergé cedeu para o filme o acervo da Fundação Yves Saint Laurent – Pierre Bergé, que detêm os direitos autorais da obra do estilista, incluindo os croquis, vestidos e até amostras de tecidos criados por ele. O que faz com que as cenas de desfilem sejam de tirar o fôlego!

Adorei a fotografia do filme, com lindos enquadramentos e muitas vezes em tom mais sombrio. Além disso, a trilha sonora está incrível! Vale muito a pena ver o filme!

1 comentário

Comente com Facebook

Deixe seu comentário

1 Comentário

  • […] essa semana, mais uma cinebiografia de Yves Saint Laurent chega aos cinemas. O longa Saint Laurent, se concentra entre os anos de 1967 […]