Meus 5 livros de moda favoritos

Meus 5 livros de moda favoritos

Cultura ler o post completo
5 aplicativos essenciais para viajantes

5 aplicativos essenciais para viajantes

Viagem ler o post completo
Netflix: usando mais e melhor

Netflix: usando mais e melhor

Cultura ler o post completo

Viagem

Moda & Beleza

Carreira & Finanças

Como funciona um Coworking?

07 de abril de 2017

Muito se tem falado sobre coworking, e a cada saída por aí, vemos mais espaços como esse sendo abertos. Sabemos que muitas das grandes empresas foram criadas dentro de garagens, e que cada vez mais pessoas trabalham home office em alguns dias da semana.

E hoje sabemos que trabalhar de um coworking trás muitas vantagens: espaços estruturados, custos muito menores, networking… mas você sabe exatamente como funciona, todas as possibilidades, e o principal, ele vale a pena para você?

Como funciona um coworking?

O que é um coworking?

É uma nova forma de ambiente de trabalho, onde as pessoas dividem um mesmo espaço. Com tantas startups e o número de freelancer crescendo a cad dia, é preciso ter um espaço com infraestrutura mas que você não fique isolado como num home office e nem tem distrações desnecessárias como em cafés.

No site CoworkingBrasil é possível encontrar uma lista de locais em diversos estados. É preciso pesquisar bastante para encontrar locais que funcionem para você.

Quem é freelancer, indico 3 locais ótimos e gratuitos: Campus São Paulo – é do Google e além de dois andares de coworking, ainda há outros com startups selecionados por eles, e vale ficar de olho nos eventos! CCSP – fique ao lado da estação Vergueiro, e fui muito lá ainda na época da faculdade, há muitas mesas e internet pública gratuita. Biblioteca Mário de Andrade – é linda, com mesas e wi-fi, vale a pena conhecer.

Os cafés continuam sendo muito úteis, e vale procurar por eles, já que muitos se preparam para receber quem deseja um espaço para trabalhar, com ótimos cafés, comida e claro, wi-fi!

Como funciona?

Existem diversos tipos de coworking: pagos, gratuitos, onde você pode receber clientes, com sala de reunião. É preciso pesquisar e saber o que se enquadra melhor ao seu estilo, por isso, a pesquisa é fundamental, mas claro, vamos a algumas dicas.

Freelancer: se você não costuma receber clientes, vale procurar por locais gratuitos. Existem alguns e são concorridos, por isso é bom se informar de todos os detalhes e chegar cedo. Quando não é possível, eu sempre recorro ao bom e velho café!

Startup: se você tem um pequeno negócio, uma equipe e recebe cliente e investidores, vale a pena alugar um espaço físico dentro de um coworking. É uma opção melhor que escritório, pois os gastos são bem reduzidos, já que todo mundo paga um pouco da conta, e você ainda tem toda a estrutura necessária!

Vale à pena?

MUITO. São locais com pessoas que querem fazer cada vez mais, fazer diferente, mudar o mundo. É inspirador. É ter isso em volta, só dá mais vontade de fazer nossa ideia acontecer!

Os custos mais baixos ajudam quem está começando, você conhece outras pessoas, encontrar possíveis contatos e até colegas de trabalho.

Pesquise, conheça vários locais, prove todos os cafés. Faça uma lista dos locais que mais gostar e vá neles sempre que precisar de inspiração, um local calmo para pensar e fazer acontecer. Vale a pena!

Tags:
0 comentários

Comente com Facebook

Deixe seu comentário